Segunda-feira, 26 de Julho de 2010

ANTA DA PEDRA DOS MOUROS ou PEDRA ALTA

ANTA DA PEDRA DOS MOUROS ou PEDRA ALTA

Necrópole pré-histórica do Monte Abraão

(Monumento Nacional desde Junho de 1910)



Foi assim no tempo dos Romeiros

do Senhor da Serra;

Esteve assim, durante anos,

Completamente ao abandono;

Hoje é este o seu estado!
Publicado por despertar-belas às 00:35
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Domingo, 25 de Julho de 2010

EM DEFESA DO PATRIMÓNIO HISTÓRICO DA FREGUESIA DE BELAS

MANIFESTO

 

A laje principal, ou esteio da Anta da Pedra dos Mouros ou Pedra Alta, parte integrante da designada Necrópole Pré Histórica do Monte Abraão, considerada monumento nacional desde Junho de 1910, “colapsou”.

Monumento pré-histórico com mais de cinco mil anos, não resistiu às atrocidades a que esteve sujeita, às agressões naturais do tempo nem à incúria dos homens.

Os constantes abalos provocados pelas explosões em pedreiras próximas, na construção de estradas (CREL e IC16), poderão também estar na génese da aceleração da degradação do monumento.

Um dos mais importantes conjuntos megalíticos situados em território nacional, tem estado desde há longos anos votado ao abandono e á ausência de qualquer operação de conservação.

Os monumentos que compõem o complexo megalítico, estão hoje irreconhecíveis, pelo crescimento desenfreado de mato na sua zona periférica.

A situação constatável de deposição persistente de lixo e entulhos na região envolvente designadamente, das Antas de Monte Abraão e da Galeria Coberta do Pego Longo, são factores que evidenciam a falta de cuidado sobre este património Monumental Histórico, que conduziu ao seu total abandono e, finalmente, ao ruir da Anta da Pedra dos Mouros em Junho de 2010.

Independentemente do tipo de propriedade em que se situam, os monumentos megalíticos constituem património arqueológico nacional, de relevância cientifica variável, mas incontornável.

 

A Coordenadora da CDU / Belas, decidiu:

  • Repudiar o desleixo a que as entidades de tutela deixaram chegar os Monumentos Históricos e os respectivos espaços envolventes, na Freguesia de Belas.
  • Exigir a essas mesmas entidades a reconstrução imediata da Anta da Pedra dos Mouros.
  • Exigir também a implementação de medidas que permitam a conservação das Antas e a limpeza das ervas, mato e lixo dos espaços envolventes, onde estes se  tornaram  autênticas lixeiras e vazadouro de entulhos e promover a preservação e segurança, criando uma vedação periférica e a iluminação de  todos e  cada um dos monumentos.
  • Incentivar o poder local autárquico (C M Sintra e J F Belas) à criação de condições para a existência de espaços pedonais e desenvolver o estudo de um itinerário que permita à população conhecer o património histórico da Freguesia de Belas.

A Coordenadora da C D U / Belas, Julho de 2010

Publicado por despertar-belas às 23:51
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos

MANIFESTOS

O Blogue Despertar Belas, apoiou desde a primeira hora a candidatura C D U, à Junta de Freguesia de Belas.

Passados que são mais de 6 meses sobre a data das eleições autárquicas de 2009, não é fácil vislumbrar algo de positivo que este executivo de maioria P S, tenha feito.

Depois da Marcha pela Indignação realizada em defesa da reestruturação da E N 117, a C D U, volta à rua, desta vez com dois manifestos, um, que pretende alertar a população da Freguesia de Belas, sobre o que se passa com o presumível encerramento de duas escolas na Freguesia (Baratã e Venda Seca) e outro, divulgando a situação de ruína em que se encontra a Anta da Pedra dos Mouros, também conhecida por (Pedra Alta).

Com a promessa da continuidade informativa, apresentamos os dois manifestos emitidos pela comissão coordenadora da C D U, na Freguesia de Belas.

 

Dizia-mos na abertura do Blogue.

 

Belas, terra adormecida. Quase selva de betão que vai enterrando todo um passado histórico cada vez mais esquecido. Freguesia enteada de um concelho adormecido e fechado onde "nada se cria, nada se aproveita, tudo se perde".

 

A verdade nua e crua, com aspectos actuais.

Publicado por despertar-belas às 23:31
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quinta-feira, 9 de Julho de 2009

Futebol também (já) foi rei em Belas

Se o Blog, como entendi, também serve para divulgar Belas e as suas riquezas patrimoniais, esta, se tal for entendido como válida é a primeira de algumas contribuições com que pretendo participar.

 
Foi neste átrio na Quinta do Bom Jardim, na Venda Seca - Belas, que pela primeira vez se jogou futebol em Portugal, marcava o calendário, Setembro de 1888.
 
Quinta do Bom Jardim
 
Esta placa, descerrada por altos dirigentes do futebol europeu, cujas assinaturas presenciais constam no “Livro de Ouro” do Clube Desportivo de Belas, que no local, perpetua a efeméride, diz textualmente o seguinte:
 
NESTE LUGAR EM SETEMBRO DE 1888,
JOGOU-SE PELA PRIMEIRA VEZ,
UM ENCONTRO DE FUTEBOL NO NOSSO PAÍS
NO CINQUENTENÁRIO DA
FEDERAÇÃO PORTUGUESA DE FUTEBOL
HOMENAGEM DO CLUBE DESPORTIVO DE BELAS
17 - 5 - 1964
 
 Quinta do Bom Jardim
 
Publicado por despertar-belas às 08:15
Link do post | Comentar | Adicionar aos favoritos
Quarta-feira, 24 de Junho de 2009

Moínhos de Vento - Património Local (Idanha - Belas) Preservar ou Destruir?

Moinho, junto ao antigo campo de futebol do Clube Desportivo de Belas, na Idanha, (que já foi) movido a vento!

É sabido que não existe nenhum regime especial, de protecção aos moinhos, existe porém a Lei Quadro do Património, que prevê a possibilidade da sua classificação em várias categorias (do valor concelhio ao monumento nacional).

O mais corrente (nos moinhos), é o valor concelhio, devendo a Câmara Municipal, caso o entenda, aprovar e instruir processo para afixação pública e posterior aprovação pela Assembleia Municipal.

Sendo ou não oficializado o seu valor Patrimonial, penso, que dada a sua situação geográfica, agora com enquadramento no perímetro do IC16, o moinho em referência devia merecer-nos maior respeito.

A sua conservação, porque está instalado em espaço público, para ser efectivada, deve ser levada a cabo por acção directa da Junta de Freguesia e/ou Câmara Municipal.

É isso que se solicita a quem de direito.

 

Moinho

  

 Moinho

Moinho

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Pergunta-se:

Não terá feito “confusão”, à EDP, a implantação dos postes para suporte das linhas, tão perto, do que por tão raro, possa vir a ser considerado Património Local ou mesmo Concelhio?

É perfeitamente possível a preservação do moinho no enquadramento ambiental prevalecente na zona. Miradouro, enquadramento em espaço verde, zona lúdica, são algumas das hipóteses viáveis.

Publicado por despertar-belas às 15:06
Link do post | Comentar | Ver comentários (1) | Adicionar aos favoritos
Vila de Belas

Mais sobre mim

Pesquisar neste blog

 

Fevereiro 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
10
11
12
13
14
16
17
18
19
20
21
22
23
24
25
26
27
28

Posts recentes

ANTA DA PEDRA DOS MOUROS ...

EM DEFESA DO PATRIMÓNIO H...

MANIFESTOS

Futebol também (já) foi r...

Moínhos de Vento - Patrim...

Arquivos

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Julho 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Agosto 2006

Assuntos

todas as tags

Mapas da Freguesia

Belas - Informações Úteis
Belas - Património

Contacte-nos

Envie os seus textos e/ou imagens referentes à Freguesia de Belas para: Despertar Belas

Visitantes

Contador de acessos